terça-feira, 14 de julho de 2009

Encontrando a felicidade


Na tarde lúcida de primavera
Caminhando no vale da emoção,
Acabando com a guerra
Do sorriso com a ilusão.

Achei-te na rara formosura
Do olhar transmitido,
Na conquista da aventura
Do permanecer do infinito.

Nesta face lavada
Com lágrimas de raridade
A passagem foi revelada
Para a busca da felicidade.

Nenhum comentário: