terça-feira, 28 de outubro de 2008

INTENSO AMOR

Intenso amor,maior então não existe
É apenas o meu,que não descança da amada
E quando se ver alegre,se ver triste
Quando se ver fechado,houço risada.

Apenas sossega se lhe resiste
O querido coração,e que não se guarda
Nas aventuras que consiste
A minha vida pertubada.

Intenso amor é o meu,que fere
Ao encostar em quem lhe prefere
Trazer seu coração à mim.

Intensa é a sua lei incessante
Que me deixa,inconciente,delirante
Nesse intenso amor sem fim.