segunda-feira, 27 de outubro de 2008

VENDO O ANOITECER

Vendo o sol se pondo
Não sei se me pergunto
Ou se me respondo.

Vendo as estrelas a brilhar
Já não sei o que faço,
Se passo a sorrir ou a chorar.

Avisto a lua lá distante
Já não consigo me conformar
Com o pouco ou o bastante.

Vendo o anoitecer
Não reconheço o pior,
Caminhar no deserto
Ou perder-me no labirinto.

Nenhum comentário: